Chá verde: suas propriedades e benefícios para a pele!

Chá verde: suas propriedades e benefícios para a pele!

Nas últimas décadas houve uma redescoberta do chá verde no ocidente, com um grande aumento no consumo devido aos seus benefícios à saúde e também à pele.

No oriente, especialmente no Japão e na China, o chá verde tem uma tradição milenar, sendo consumido durante todo o ano devido às suas propriedades medicinais.

No entanto, com a ampliação do consumo é importante conhecer mais informações sobre o chá verde, suas propriedades e benefícios. Pensando nisso, nesse conteúdo vamos abordar tudo sobre o tema, incluindo:

Então vem com a gente descobrir mais sobre o chá verde, seus benefícios à saúde e, mais recentemente, os benefícios estéticos.

Chá verde

O que é o chá verde?

O chá verde é nativo da China e da Índia, sendo extraído das folhas da planta Camellia sinensis.

As subespécies e variedades da Camellia sinensis também dão origem ao chá branco, o chá amarelo, o chá preto, o chá oolong e o Dark tea, que é uma opção fermentada.

No caso do chá verde, que pode ser consumido quente ou frio, ocorre uma oxidação menor das folhas durante o processamento em comparação com o chá preto, o que resulta na coloração mais suave.

Uma característica desse chá é seu sabor mais amargo, mas essa e outras características vão depender de uma série de fatores, como a qualidade e tamanho das folhas, sua origem, a latitude da plantação, a estação da colheita e também se o consumo será diretamente a partir das folhas ou de sachês.

A planta que dá origem ao chá verde é rica em diferentes componentes como antioxidantes, aminoácidos, cafeína, um conjunto de vitaminas B, E e C e de minérios, como cálcio, magnésio, zinco, potássio e ferro.

Primeira vez por aqui?

Cadastre-se agora e receba em primeira mão novidades, conteúdos e descontos exclusivos.

Quais as propriedades do chá verde?

As propriedades medicinais e benefícios à saúde promovidos pelo chá verde devem-se aos ativos que são encontrados na planta. São três os mais importantes.

Catequinas

As catequinas são antioxidantes naturais que contribuem no combate aos radicais livres que causam o desgaste celular por meio do estresse oxidativo.

No chá verde está presente a catequina do tipo epigalocatequina-3-galato (EGCG), que consiste em um composto mais eficiente no que diz respeito à ação antioxidante devido sua maior concentração e potência.

A EGCG neutraliza diferentes tipos de radicais livres envolvidos no processo de envelhecimento como a glutationa peroxidase, catalase e glutationa redutase, além disso a substância contribui no processo de desintoxicação de enzimas.

L-Teanina

A L-Teanina consiste em um aminoácido com capacidade de transpor a barreira hematoencefálica de forma a intensificar as atividades do neurotransmissor inibitório GABA que tem funções ansiolíticas, o que contribui na saúde do cérebro.

A substância também promove o aumento da dopamina, aumentando a frequência das ondas alfa no cérebro.

Cafeína

No chá verde, a concentração de cafeína é menor do que no café, contribuindo para obter os benefícios da substância sem os efeitos colaterais relacionados ao consumo excessivo.

Entre os efeitos positivos está o efeito antioxidante do chá que é potencializado devido à substância.

A cafeína beneficia a saúde cerebral ao bloqueador a adenosina, um neurotransmissor inibitório, resultando em benefícios como concentração decorrente do aumento da atividade da dopamina e norepinefrina.

A substância ainda influencia positivamente o humor, a memória, a vigilância e o tempo de reação.

Por fim, a união da cafeína e da L-teanina no mesmo composto resulta em benefícios à função cerebral devido à sinergia entre as substâncias, melhorando a concentração e alívio do estresse.

chá verde e seus benefícios

Quais os benefícios do chá verde?

Devido à combinação dessas poderosas substâncias, o chá verde tem diversos benefícios cientificamente comprovados que geram melhoras na saúde física e emocional, além de ganhos estéticos.

Melhora a função cerebral

Como visto, o chá verde, graças à presença da L-teanina e da cafeína, resulta em benefícios à função cerebral melhorando o desempenho em atividades cognitivas de longa duração.

O chá promove uma junção equilibrada entre melhora da concentração e estado de alerta, ao mesmo tempo em que seu consumo frequente contribui no relaxamento e alívio do estresse.

Os benefícios ao cérebro também se entendem à melhora da memória e da concentração, podendo ajudar na energia e produtividade.

Contribui no emagrecimento

A presença da substância epigalocatequina galato é responsável por uma das principais propriedades do chá verde que é o aumento do gasto energético.

O metabolismo acelerado ajuda na queima de calorias, principalmente quando associado ao exercício físico, como corrida, musculação ou natação, por exemplo.

No entanto, há limitações nesse efeito. Estima-se que para consumir 250 miligramas de epigalocatequina galato é preciso consumir cerca de três xícaras de chá verde, o que contribuiria na queima de 100 calorias a mais por dia.

Melhora o desempenho físico

De acordo com um estudo da Harokopio University, na Grécia, o consumo de chá verde promove o aumento do desempenho físico e da energia no organismo.

Devido à presença de cafeína e demais substâncias, o chá pode elevar em até 12% o desempenho físico.

Reduz o risco de câncer

A ação antioxidante do chá verde em decorrência dos polifenóis presentes na composição faz com que haja um menor estresse oxidativo no organismo, que está relacionado às chances aumentadas de câncer.

Dessa forma, o chá verde ajuda na prevenção do câncer, como concluiu um estudo conduzido na Universidade de Harvard que identificou chances de câncer de mama entre 20 e 30% menores nas mulheres que consumiam o chá verde com frequência.

Outros estudos sobre o tema ainda indicaram que os riscos de desenvolver câncer de próstata eram 48% menores em homens que consumiam o chá verde e uma revisão identificou 42% menos chances de desenvolver câncer colorretal.

Previne doenças neurodegenerativas

As doenças neurodegenerativas, como o Parkinson e o Mal de Alzheimer, podem ser prevenidas com o chá verde devido aos seus benefícios à saúde do cérebro, proteção dos neurônios e sua rica composição antioxidante.

O estresse oxidativo é um dos fatores que, no longo prazo, podem favorecer o surgimento dessas patologias devido às alterações no DNA decorrentes do comprometimento da reprodução celular.

Combate infecções e ajuda na saúde bucal

O chá verde tem ação antibacteriana, contribuindo no combate e eliminação de algumas bactérias e vírus que podem favorecer o surgimento de infecções.

Além disso, a presença de catequinas combate a proliferação das bactérias responsáveis pela cárie dentária, de forma que o consumo de chá verde também contribui na saúde bucal.

Reduz o risco de diabetes

A diabetes é uma condição que afeta milhões de pessoas e consiste na produção insuficiente de insulina para controlar os níveis de glicose no sangue.

Devido à presença de prolifenóis, o chá verde ajuda no controle da diabetes ao tornar as células do pâncreas mais sensíveis aos efeitos da insulina, sinalizando a necessidade de metabolizar o excesso de glicose no sangue.

Diminui riscos de doenças cardiovasculares

As doenças cardiovasculares, como acidente vascular cerebral (AVC) e infarto do miocárdio, estão entre as principais causas de óbitos.

Ao ajudar no controle dos níveis de colesterol ruim (LDL) e aumentar a ação antioxidante no sangue, o chá verde pode reduzir em até 31% as chances de desenvolver essas patologias, de acordo com estudo publicado no The Journal of Nutrition.

chá verde melhora o humor

Melhora o humor

A L-teanina está associada ao aumento dos níveis de dopamina e serotonina pelo organismo, hormônios relacionados com aumento da sensação de bem-estar.

Além disso, a substância aumenta as ondas alfa no cérebro, o que promove um efeito relaxante e calmante que influencia positivamente no humor.

Apesar de o consumo excessivo ser contraindicado para pessoas com ansiedade, a presença de flavonoides no chá verde ajuda a regular a ansiedade e promover o bom humor.

Melhora a digestão

O chá verde estimula a ação dos ácidos estomacais, o que melhora a capacidade digestiva devido ao estimulo à microbiota intestinal ao mesmo tempo em que eleva a absorção de nutrientes presentes nos alimentos e reduz a de gorduras e colesterol.

Eleva a expectativa de vida

Todos os benefícios do chá verde citados contribuem na melhora geral da saúde e consequente aumento da expectativa de vida, reduzindo as chances de problemas críticos à longevidade como câncer, doenças cardiovasculares e doenças neurológicas.

Como tomar chá verde?

Para que os benefícios do chá verde sejam realmente alcançados é importante saber como introduzi-lo na rotina e prepará-lo corretamente.

Os benefícios medicinais do chá são maiores quando se opta pelo chá com as folhas secas da planta em vez das opções em sachê que tem concentrações reduzidas dos componentes em relação à erva natural.

O modo de preparo do chá verde também é um aspecto importante para que os benefícios sejam obtidos. As recomendações incluem:

  • use 1 grama de folha para cada 100 ml de água;
  • após ferver a água espere um momento para colocá-las em contato com as folhas, evitando cozinhá-las e deixar o sabor do chá ainda mais amargo;
  • mantenha a infusão por, no máximo, 5 minutos;
  • evite o uso de açúcar ou adoçantes no chá, sendo o mel uma opção para quem não gosta do sabor amargo da folha.

A indicação é um consumo de até 4 xícaras ao dia, evitando o consumo próximo das refeições uma vez que o chá altera a absorção de cálcio e ferro.

Assim como entrega benefícios, o consumo excessivo do chá verde está relacionado a diversos e problemas, como:

  • prejuízos aos rins devido ao excesso de oxalato;
  • aumento da ansiedade, ritmo cardíaco e irritabilidade devido à cafeína;
  • prejuízos ao sono quando consumido à noite;
  • consumo moderado ou abdicar o uso em caso de glaucoma, irritações gástricas, hipertensão e cardiopatias;
  • não tomar o chá verde em conjunto com tratamentos medicamentosos que ativam o sistema nervoso.

Portanto, o preparo e consumo moderado do chá verde, conhecendo também suas contraindicações, são importantes para evitar problemas relacionados à opção.

chá verde skincare

Benefícios do chá verde na pele

Além dos benefícios medicinais e à saúde, o chá verde tem o uso estético cada vez maior devido os benefícios à saúde e aparência da pele.

Ação antienvelhecimento

Os antioxidantes presentes no chá verde desempenham um importante papel no combate ao envelhecimento celular, resultando em um efeito anti-aging quando aplicado à pele.

Protege contra radiação solar

Os raios UVB do sol são um dos principais influenciadores do envelhecimento facial, sendo que o chá verde, seja no uso tópico ou na ingestão, contribui na proteção contra os leucócitos presentes na radiação solar, minimizando sua infiltração na pele.

Combate à acne

O chá verde contribui na regulação da produção sebácea, podendo ser um aliado na amenização de cravos e espinhas e desobstrução dos poros que também contribuem para o surgimento desses sinais indesejados na pele.

Clareamento de manchas

Os polifenóis presentes no chá verde conseguem inibir a enzima tirosinase relacionada à melanina. Dessa forma, um dos benefícios à pele é contribuir no clareamento de manchas e reduzir os impactos negativos da radiação solar.

Como obter os benefícios do chá verde para pele?

Existem diversas formas de extrair os benefícios do chá verde na pele, inclusive pelo consumo do chá, mas não apenas.

Compressas

O uso do chá verde na região dos olhos, por exemplo, pode ser feito por meio de compressas.

Para isso é só fazer o chá normalmente e deixar resfriar. Em seguida, umedeça o algodão no chá gelado e aplique sobre os olhos por 15 minutos.

Máscaras faciais

Para tratamento é possível usar as máscaras faciais à base de chá verde que resultam em benefícios como a hidratação, combate ao estresse oxidativo e melhora da luminosidade da pele.

sérum

Dermocosméticos

Atualmente, com auxílio da tecnologia e de novas pesquisas, o chá verde pode ser encontrado na formulação de dermocosméticos, entregando esses benefícios para pele na rotina de skincare diária.

Um exemplo de formulação com o chá verde é o Sérum Skindrops Hialu da CARE Natural Beauty, com uma composição natural, limpa, orgânica e vegana.

Os carros-chefes do Sérum Skindrops Hialu são o ácido hialurônico vegetal e a niacinamida 2%, mas a formulação também contém um combinado de 8 antioxidantes naturais e orgânicos, incluindo:

  • chá verde
  • extrato de rosas
  • extrato purple flower
  • extrato de banana
  • vitamina E
  • extrato de calêndula
  • extrato de arnica

Os resultados do Sérum Skindrops Hialu com chá verde incluem hidratação e nutrição profundas, mais firmeza, redução das linhas de expressão, melhora da uniformidade e da textura da pele.

1 comentário

Amei obrigado:

Leonardo

Deixe um comentário

Os comentários precisam ser aprovados antes da publicação.